Buscar

STF obriga a retirada das grades em prédios residenciais do Cruzeiro


Uso de grades em ruas e prédios para conter violência é debatido no Senado

   
23/02/2018, 07h36 - ATUALIZADO EM 23/02/2018, 08h49
A Comissão Senado do Futuro (CSF) discutiu, nessa quinta-feira (22), a polêmica do cercamento de ruas e prédios residenciais com grades. A iniciativa ganhou força com o aumento da violência urbana nos últimos anos. A medida não tem amparo jurídico e muitas cidades obrigam os moradores a derrubar as cercas. Um exemplo da polêmica é a situação dos moradores do Cruzeiro Novo, em Brasília, que cercaram seus prédios há mais de 20 anos e agora uma decisão judicial determina a retirada das grades.  O senador Hélio José (Pros-DF), presidente da comissão, considera “o crescimento vertiginoso da violência urbana” a principal razão para o aumento das cercas e grades em áreas residenciais. A reportagem é de Ana Beatriz Santos, da Rádio Senado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário