Pesquisa

PROFESSOR É MORTO A TIRO DENTRO DE ESCOLA - BRASIL



O professor Júlio César Barroso de Sousa, de 41 anos, foi morto a tiros na tarde desta terça-feira (30), dentro do Colégio Estadual Céu Azul, no município de Valparaíso, no entorno do Distrito Federal (DF). 

O professor foi baleado por um estudante durante o intervalo da segunda aula, na sala dos professores. Júlio, que também é coordenador do colégio, chegou a ser atendido pelo SAMU, mas não resistiu aos ferimentos.


A Polícia Civil divulgou nota sobre o caso: 

A Polícia Civil investiga o caso do professor que foi baleado e morto em uma escola de Valparaíso nesta tarde. O suspeito, menor que estuda na escola, já foi identificado, mas ainda não foi apreendido. Pedimos a compreensão da imprensa neste momento, já que o delegado responsável está no colégio em diligências, impossibilitado de atender telefonemas.

O coordenador Júlio Cesar Barroso de Sousa foi morto a tiros por um aluno da escola estadual Céu Azul em Valparaíso de Goiás — Foto: Reprodução

FONTE:https://diariodegoias.com.br/cidades/119045-aluno-mata-professor-em-valparaiso

Colégio Céu Azul, em Valparaíso

Em Valparaiso de Goiás, entorno de Brasília, na tarde desta terça-feira, 30, o professor Júlio Cesar Barroso de Sousa, 41 anos, do Colégio Estadual Céu Azul, morreu após levar tiros disparados por um estudante, de 17 anos, dentro da escola. Tanto a Polícia Militar quanto o Corpo de Bombeiros foram acionados.
Segundo informações do delegado Rafael Abrão, responsável pelo caso, o aluno teve uma discussão com uma professora pela manhã e Júlio, que é coordenador na escola, interferiu e disse que poderia transferir o estudante de unidade.
Foi quando o autor dos disparos fez ameaças ao docente. Na parte da tarde, então, ele retornou à unidade e efetuou dois disparos contra Júlio na sala dos professores. A ocorrência foi atendida pelo Samu e a vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu.
De acordo com a Polícia Civil, o caso já está sendo investigado. O suspeito já foi identificado, mas as autoridades não informaram sua identidade. Ainda segundo a PC, o delegado responsável está no colégio em diligências.


SEMANA PASSA PROFESSOR ESFAQUEADO:

10 comentários:

  1. Semana passada tivemos uma morte de professor a facadas, essa semana a tiros, agora não falta mais nada, estamos no fundo do poço. E nada será feito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os professores estão sendo perseguidos.

      Excluir
    2. E a mídia não mostra isso... é oque mais me assusta

      Excluir
  2. Respostas
    1. realmente, ninguém se importa, não é o pé no jogador de futebol e nem a bunda daquela que se diz cantora. É só um professor, e atualmente não é nada, é só mais um pai de família e atualmente também não é nada.

      Excluir
  3. Os professores são reféns da situação atual.
    Todos nós corremos grande perigo.

    ResponderExcluir
  4. Triste realidade...Salas lotadas...alunos de inclusão...para ressocialização...que frequentam ase salas de aula com todos os intuitos menos o de aprenderem !

    ResponderExcluir
  5. Era para estar em todas as mídias televisivas, porém, é só um professor, é menos que a BUNDA daquelas que se dizem cantoras e que nada acrescentam a sociedade a não ser cenas pornográficas.

    ResponderExcluir
  6. Essa realidade que nos atinge é um crime contra a Escola ( professor, alunos - alunos de verdade, comunidade escolar e)toda uma nação. Mas é um crime anunciado , infelizmente, desgraçadamente , a legislação brasileira colocou nas mãos destes " jovens " uma arma poderosa chamada ECA, que em nada melhorou a Educação e a vida dos mais indefesos, prejudicou. É fácil relacionar, por exemplo, o período de existência deste Estatuto com o aumento em 7 vezes da gravidez precoce. As vezes isso me parece uma conspiração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma conspiração, é um projeto de destruição dos valores e da estrutura que ainda persiste, mesmo que muito doente.

      Excluir

Postagens mais visitadas