Pesquisar no CIDADE DE MARÍLIA

Curso "O sagrado Feminino no Cristianismo"

É preciso analisar como a mulher foi tratada pelas diferentes correntes teológicas, explica professora

A Bíblia é misógina? O Antigo Testamento, aceito no Cristianismo, no Islamismo e no Judaísmo, pode ser responsável pela subordinação das mulheres no mundo atual? A professora doutora Lidice Meyer Pinto Ribeiro, pesquisadora associada à Universidade de Lisboa, busca responder por meio do resgate das histórias das mártires, abadessas e doutoras da Igreja Católica e da Protestante, com o objetivo de visualizar o papel das mulheres na sociedade atual.
"É preciso analisar como a mulher foi tratada pelas diferentes correntes teológicas e o reflexo dessa construção na concepção do feminino nas igrejas cristãs, sua relação com conflitos envolvendo questões de status, papel e poder na organização da igreja e as novas posições teológicas introduzidas pelos movimentos feministas e feminino", explica a professora.
Diante dessas discussões, Ribeiro organizou o curso "O sagrado Feminino no Cristianismo", e o grande interesse pelo tema resultou no imediato esgotamento das inscrições. Sobre o curso, a professora destaca que "houve oportunidade para debates sobre a violência contra a mulher cristã e as mudanças promovidas pelo Papa Francisco com relação à mulher na Igreja".





Postagens mais visitadas