CMC - MÍDIA

Ministério da Educação classifica curso de direito com nota máxima

A Escola Paulista de Direito (EPD), uma das marcas de ensino superior do Grupo SEB, do empresário Chaim Zaher, conquistou a nota máxima na avaliação do MEC, no Índice Geral dos Cursos (IGC), que analisa a qualidade do ensino das instituições. A escala utilizada vai de 1 a 5, onde 1 e 2 são insuficientes e 5 é nota máxima. Foram analisados 2.052 universidades, institutos federais, faculdades e centros universitários em todo o Brasil. Somente 2% das instituições de ensino superior avaliadas alcançaram a nota 5.
A EPD foi adquirida em 2015 pelo Grupo SEB, que investiu em infraestrutura e corpo docente. Hoje a unidade de ensino atende 2 mil alunos presenciais e 4 mil online, na modalidade de Ensino à Distância. O Grupo segue em expansão e hoje possui 4 unidades de ensino superior no país que totalizam 18 mil alunos em graduação e pós-graduação, presencial e EAD.
“Investimos de forma intensa em expansão e qualidade de ensino de forma que nossas operações atinjam diversos públicos da educação básica à pós-graduação. Na EPD protocolamos o curso de direito à distância e com IGC 5, manteremos a mesma qualidade. Estamos também em andamento no nosso plano, que teve início em 2018, que prevê o crescimento do segmento de EAD chegando a 500 polos até 2020 e 750 em 2021”, afirma Chaim Zaher, Fundador do Grupo SEB.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CMC, CIDADE DE MARÍLIA