Calçado certo durante o Carnaval

Especialista do Hospital 9 de Julho alerta sobre a importância do calçado certo durante o Carnaval

Resultado de imagem para sandálias no carnavalCom o Carnaval chegando, é comum que os foliões passem longos períodos em pé, dançando e pulando. Porém, para alguns, isso pode significar dores nos pés e pernas e até acidentes, caso não estejam usando o calçado adequado.

Além do conforto, é essencial priorizar os sapatos fechados para poder curtir essa época da maneira mais segura, especialmente para quem vai enfrentar os blocos de rua. Os calçados que envolvem todo o pé trazem mais proteção para caminhar em meio à multidão, e ainda conseguem prevenir machucados causados por possíveis obstáculos nas ruas, como cacos de vidro. A equipe de Ortopedia do Hospital 9 de Julho está disponível para entrevistas sobre o tema e explicar a importância do uso do calçado adequado durante o Carnaval.

Sandálias com tiras que podem machucar ou se soltar, chinelos ou saltos não são os calçados mais recomendados. O ideal é escolher um sapato que seja coberto, tenha amortecimento, solado aderente e uma palmilha confortável, a fim de evitar bolhas e outros ferimentos mais graves.

Sobre o Hospital 9 de Julho: fundado em 1955, em São Paulo, o Hospital 9 de Julho tornou-se referência em medicina de alta complexidade com destaque para as áreas de Neurologia, Oncologia, Onco- hematologia, Gastroenterologia, Endoscopia Digestiva, Ortopedia, Urologia e Trauma. Possui um Centro de Medicina, Especializada com atendimento em mais de 50 especialidades e 14 Centros de Referência: Centro de Dor e Neurocirurgia Funcional; Rim e Diabetes; Cálculo Renal; Cardiologia; Oncologia; Gastroenterologia; Controle de Peso, Infusão, Medicina do Exercício e do Esporte; Reabilitação; Clínica da Mulher; Longevidade, Doenças Inflamatórias Intestinais (CDII) e Trauma. Com cerca de 2,5 mil colaboradores e seis mil médicos cadastrados, o complexo hospitalar possui 470 leitos, sendo 102 leitos nas Unidades de Terapia Intensiva, Centro Cirúrgico com capacidade para até 22 cirurgias simultâneas, inclusive com duas salas híbridas (com equipamento de Hemodinâmica e Ressonância Magnética) e três para
robótica, incluindo a Sala Inteligente, que permite a realização de cirurgias em sequência.

Informações para a Imprensa
RPMA Comunicação
Monica Permagnani - (11) 94187 6025
monica.permagnani@rpmacomunicacao.com.br
Paula Carone
paula.carone@rpmacomunicacao.com.br

Comentários