CMC - MÍDIA

A prefeita de Vera Cruz teve o mandato cassado

RENATA ZOMPERO DIAS DEVITO
A prefeita de Vera Cruz, Renata Zompero Dias Devito, (45 PSDB)  teve o mandato cassado na tarde de quinta-feira (2) em uma sessão extraordinária realizada pela Câmara dos Vereadores. O vice-prefeito, Paulo Haraguchi, assume a administração municipal. Ainda não está confirmada a data da posse.
O relatório aponta falta de explicações para os gastos na defesa e cita pelo menos oito tentativas de ouvir a prefeita e suas testemunhas, sem que eles fossem à câmara otaram a favor da cassação os vereadores Ari bernardo, Cristiane Tinetti, José Carlos Doti, Lorival Ailton dos Santos, Renato Domingues de Moraes e Haroldo Bernardes de Mayo. 
Votaram contra os vereadores governistas Cesar Alessandre Iatecola, Júlio César da Silva e Gisele Pelozo. O presidente da casa, Haroldo Bernardes de Mayo, só votaria em caso de empate, o que não foi necessário.
O relatório cita ainda as 20 reuniões realizadas pela comissão para discutir as provas de defesa e ressalta que a prefeita não apresentou as alegações finais ao processo.

Segunda cassação

A primeira cassação da prefeita ocorreu em fevereiro quando uma comissão foi instaurada para esclarecer o uso do dinheiro do transporte do município.
Segundo o presidente da comissão, Renato Dominguez de Moraes, dos mais de R$ 64 mil gastos anualmente com o seguro dos meios de transporte, cerca de R$ 2.700 eram investidos em uma frota que estaria inutilizada.
A denúncia foi apresentada por um morador que acusa a prefeita de desperdiçar dinheiro público em contratação de seguro de veículos para sucatas e carros da frota já abandonados e desmontados.
Anexados à denúncia, estavam fotos dos veículos com cartões de seguro, que confirmam a contratação.
Veja mais notícias da região no G1 Bauru e Marília

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CMC, CIDADE DE MARÍLIA