Entrevias Concessionária de Rodovias, responsável pelas obras de implantação de três passarelas



Foto Noticia Principal Grande
Obra está acontecendo na passarela próximo à Avenida Guiomar Novaes
A Entrevias Concessionária de Rodovias, responsável pelas obras de implantação de três passarelas de pedestres no trecho urbano de Marília, já está fazendo a instalação das estruturas metálicas da passarela na altura do quilômetro 324,4 da SP 333 ( Rodovia Leonor Mendes de Barros (próximo à avenida Guiomar Novaes).Esta e a outra passarela na mesma rodovia, na altura do quilômetro 326,6, próximo à faculdade FAIP, tem previsão de entrega para o início do mês de junho.
“Quanto à passarela para pedestres para o km 333,4 na mesma rodovia próxima à Unimar, a previsão de entrega é para o segundo semestre de 2020. "As obras estão na fase de fundição e estruturação de pilar", informou a assessoria de imprensa da Entrevias.
O gerente de Obras e Conservação da Entrevias, Eugênio Santos, voltou a destacar importância do uso da passarela . “A responsabilidade para um trânsito mais seguro é de todos. Não só motoristas precisam ficar atentos, mas pedestres também precisam adotar um comportamento seguro para evitar acidentes. Priorizar a travessia pela passarela é o meio realmente seguro para cruzar a rodovia."

O prefeito Daniel Alonso parabenizou a Entrevias por mais essas melhorias na SP-333. “Estas passarelas previstas para serem entregues em junho alí na zona norte serão fundamentais para garantir mais segurança aos pedestres na travessia. A Entrevias já realizou diversas melhorias no trecho, inclusive com a duplicação, e continua avançando, priorizando a proteção à vida. A implantação dessas passarelas era uma reivindicação antiga dos moradores da zona norte de Marília" disse o chefe do Executivo.
“Ficamos felizes em saber que a passarela próximo à Unimar também será entregue este ano trazendo mais segurança para os estudantes que moram naquela região e precisam atravessar a rodovia", completou o prefeito Daniel Alonso.
A definição dos locais nos quais serão instalados os dispositivos de travessia resultou de um estudo realizado no início do período de concessão, por uma empresa especializada que conduziu contagens de fluxo de pedestres, pesquisas de origem e destino, e identificou a presença de polos geradores de travessias, como escolas, postos de saúde, indústrias e estabelecimentos comerciais.
As passarelas seguirão os padrões técnicos exigidos, incluindo iluminação, tela de proteção lateral, acessibilidade para portadores de necessidades especiais e dispositivos de bloqueio no canteiro central da rodovia, de modo a canalizar os fluxos de pedestres para as passarelas.

Comentários