Última publicação

Reforma administrativa deve ser efetiva apenas no longo prazo

Para André Félix Ricotta, professor de Direito Tributário, a não inclusão dos servidores atuais deve facilitar a aprovação, mas proposta não será capaz de solucionar atuais distorções

As linhas gerais da proposta da reforma administrativa, que tem como objetivo reduzir gastos com o serviço público, já começaram a ser apresentadas pelo governo federal. As regras da medida afetam os futuros servidores da União, estados e municípios, mas não deve trazer economia aos cofres do governo no curto prazo, pelo fato de possuir efeito nulo sobre os atuais servidores públicos, além de preservar categorias como juízes, procuradores, promotores, deputados e senadores.

Especialista em Direito Tributário, o advogado e professor do Mackenzie, André Félix Ricotta,acredita que essa reforma não será capaz de solucionar as atuais distorções nos gastos com os servidores. "Os problemas atuais ela não vai resolver, pois será aplicada apenas para os novos servidores, para quem ingressar no serviço público …

Rappi doa refeições para hospitais públicos de São Paulo


A ação - que atenderá mais de 4 mil profissionais de 15 hospitais mapeados até agora - tem como objetivo ajudar o Governo do Estado de São Paulo no combate ao covid-19
São Paulo, 06 de maio de 2020 - Com o propósito de mitigar os danos causados pelo coronavírus e com o objetivo de apoiar os esforços dos profissionais da área da saúde, a Rappi doará 50 mil refeições para hospitais da rede pública do Estado de São Paulo. A ação, que faz parte da doação da Rappi para o Governo do Estado de São Paulo, beneficiará mais de 4 mil profissionais em 15 hospitais mapeados até o momento, nas cidades de São Paulo, Santos e Mogi das Cruzes.

Diante do cenário atual do COVID-19, a Rappi está apoiando o Governo do Estado de São Paulo junto com outras empresas do setor privado com doações que chegaram a um total de R$ 367,6 milhões. A empresa disponibilizará cupons no valor total de cerca de 1 milhão de reais, com isenção de frete, para que profissionais da área da saúde - que estão trabalhando incansavelmente - possam pedir refeições via aplicativo da Rappi.

"Nesse momento difícil, acreditamos que temos que seguir apoiando a população. A ajuda para o Governo de São Paulo é parte das ações que estamos tomando para apoiar todo nosso ecossistema", afirma Sérgio Saraiva, presidente da Rappi no Brasil.

O cupom não possui data de validade e pode ser aplicado para refeições dentro da categoria Restaurantes, em alguns estabelecimentos parceiros, no app.
Sobre a Rappi
A Rappi é um superaplicativo que resolve a vida de seus usuários ao oferecer a eles uma plataforma única para suas necessidades e desejos diários. A startup unicórnio, criada em 2015, chegou ao Brasil em julho de 2017 e já está presente em mais de 60 cidades brasileiras. Por meio do aplicativo é possível conseguir produtos e serviços de diferentes categorias, incluindo restaurantes, supermercados, farmácias, manicure, dogwalker, entre outros. Além do Brasil, a Rappi está presente na Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, México, Peru e Uruguai.
Informações para a imprensa - Rappi
RPMA Comunicação

Carol Cassiano - carol.cassiano@rpmacomunicacao.com.br - (11) 5501-4655 / (11) 95192-8886
Leticia Gregorio - leticia.gregorio@rpmacomunicacao.com.br - (11) 5501-4655
Maíra Porto - maira.porto@rpmacomunicacao.com.br - (11) 5501-4655

Comentários