Última publicação

Reforma administrativa deve ser efetiva apenas no longo prazo

Para André Félix Ricotta, professor de Direito Tributário, a não inclusão dos servidores atuais deve facilitar a aprovação, mas proposta não será capaz de solucionar atuais distorções

As linhas gerais da proposta da reforma administrativa, que tem como objetivo reduzir gastos com o serviço público, já começaram a ser apresentadas pelo governo federal. As regras da medida afetam os futuros servidores da União, estados e municípios, mas não deve trazer economia aos cofres do governo no curto prazo, pelo fato de possuir efeito nulo sobre os atuais servidores públicos, além de preservar categorias como juízes, procuradores, promotores, deputados e senadores.

Especialista em Direito Tributário, o advogado e professor do Mackenzie, André Félix Ricotta,acredita que essa reforma não será capaz de solucionar as atuais distorções nos gastos com os servidores. "Os problemas atuais ela não vai resolver, pois será aplicada apenas para os novos servidores, para quem ingressar no serviço público …

Danpris retoma atividades externas

CMC

Danpris construtora e incorporadora


Danpris retoma atividades externas com restrições para evitar aglomerações

Setor imobiliário em Osasco: como estão funcionando os estandes de venda com a flexibilização da quarentena?
O governo do estado de São Paulo decidiu, na semana passada, flexibilizar a quarentena para alguns setores da economia como shoppings e comércios de rua, que iniciaram a abertura gradual com restrições de pessoas e horários alternados para evitar aglomerações, e para as construtoras e imobiliárias, também autorizadas a retomar as atividades, desde que respeitasse algumas regras tanto no escritório quanto nos estandes com visita aos decorados.

Diante da liberação, a Danpris, construtora e incorporadora da Grande São Paulo e focada em empreendimentos que se enquadram no programa Minha Casa Minha Vida, iniciou a abertura dos estandes de vendas para visitação, respeitando todos os protocolos sanitários determinados pelo Governo. Com display com álcool gel e acionamento no pé, uma recepcionista que afere a temperatura antes do cliente entrar no estande, oferecimento de máscara se o cliente precisar e limitações de visita ao decorado, sempre uma família por vez. O CEO da empresa, Dante Seferian, explica como a Danpris se preparou para a reabertura: "Estamos trabalhando com a equipe de corretores reduzida e o atendimento presencial está sendo feito com hora marcada para evitar o acúmulo de pessoas nos estandes. Muitas vendas foram feitas online através das nossas redes sociais e site, onde é possível fazer um tour virtual e percorrer todo o decorado. A Danpris já está totalmente digitalizada e isso eu vejo como um ponto positivo dessa pandemia. O isolamento nos fez procurar soluções para algumas questões que estávamos postergando a execução. Veio o Covid e tiramos do papel a questão do investimento nas redes para potencializar as vendas online e também, a parte da escritura digital. Muita coisa agora está sendo online" - explica o CEO.

A Danpris também está promovendo a campanha de documentação grátis, que garante a economia de aproximadamente 3% ao consumidor, uma economia estimada entre R$ 6 mil a R$ 8 mil - "Com o impacto da pandemia, estávamos vendendo cerca de 30% dos empreendimentos, após essas ações, as vendas dos imóveis MCMV aumentaram um pouco"- ressalta Dante.

As obras nos canteiros também estão funcionando de acordo com as determinações sanitárias e de higiene do Governo e seguindo a conduta do Secovi, com controle de temperatura de todos os funcionários.

Sobre a Danpris
Danpris Construções e Empreendimentos Imobiliários atua há 40 anos no mercado. A empresa, fundada por Pedro Avedis Seferian, iniciou as atividades construindo empreendimentos comerciais e residenciais, focando em condomínios fechados de residência, loteamentos e também em edifícios comerciais.