Última publicação

Reforma administrativa deve ser efetiva apenas no longo prazo

Para André Félix Ricotta, professor de Direito Tributário, a não inclusão dos servidores atuais deve facilitar a aprovação, mas proposta não será capaz de solucionar atuais distorções

As linhas gerais da proposta da reforma administrativa, que tem como objetivo reduzir gastos com o serviço público, já começaram a ser apresentadas pelo governo federal. As regras da medida afetam os futuros servidores da União, estados e municípios, mas não deve trazer economia aos cofres do governo no curto prazo, pelo fato de possuir efeito nulo sobre os atuais servidores públicos, além de preservar categorias como juízes, procuradores, promotores, deputados e senadores.

Especialista em Direito Tributário, o advogado e professor do Mackenzie, André Félix Ricotta,acredita que essa reforma não será capaz de solucionar as atuais distorções nos gastos com os servidores. "Os problemas atuais ela não vai resolver, pois será aplicada apenas para os novos servidores, para quem ingressar no serviço público …

Idosos participam da soltura de aves silvestres apreendidas em Bauru

Idosos participam da soltura de aves silvestres apreendidas em Bauru — Foto: Polícia Ambiental/Divulgação
Idosos participam da soltura de aves silvestres apreendidas em Bauru — Foto: Polícia Ambiental/Divulgação
Um grupo de idosos de um asilo de Bauru (SP) participou nesta terça-feira (2) de um evento de soltura de aves silvestres que foram apreendidas um dia antes em operação da Polícia Ambiental da cidade e que gerou uma multa milionária aos infratores.
A iniciativa foi feita em comemoração aos festejos da Semana do Meio Ambiente, e como forma de melhorar a autoestima de idosos abrigados no Asilo da Vila Vicentina. Foi solta uma parte dos 38 pássaros apreendidos um dia antes
Segundo a Polícia Ambiental, todas as medidas de prevenção contra o coronavírus foram adotadas para preservar a saúde desses idosos que integram um grupo de risco.
Segundo a Polícia Ambiental, o restante das aves apreendidas, e que passaram por avaliação de um médico veterinário, foi solto em um reserva ambiental da região de Bauru.