CMC - MÍDIA

Meio ambiente: a hora é agora




Meio ambiente: a hora é agora
 
Sob o tema Biodiversidade, o Dia Mundial do Meio Ambiente 2020 pede por ações em tempo integral, grandes e pequenas, pelas pessoas e pelo planeta
Imagem em alta para download
 
 
*Por José Renato Demian Ferreira
 
 
5 de junho é o Dia Mundial do Meio Ambiente. Embora o novo coronavírus esteja dominando manchetes, pensamentos e nossa atenção, é agora o momento de promover a conscientização e a ação em prol do meio ambiente. A pandemia é um lembrete da vulnerabilidade dos seres humanos e do planeta diante das ameaças globais. Nesta hora cabe a pergunta: será que se tivéssemos cumprido um pouco mais dos objetivos de desenvolvimento sustentável e de mudanças do clima, enfrentaríamos melhor esse desafio? A resposta soa bem óbvia, concordam?
 
Sob o tema Biodiversidade, o Dia Mundial do Meio Ambiente 2020 pede por ações em tempo integral, grandes e pequenas, pelas pessoas e pelo planeta. Segundo o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), com um milhão de espécies de plantas e animais em extinção, nunca houve um momento mais importante para focar na questão da biodiversidade. O próximo ano também oferece uma oportunidade para acelerar o início da Década das Nações Unidas sobre Restauração de Ecossistemas (2021-2030), com o objetivo de ampliar massivamente a restauração de ecossistemas degradados e destruídos para combater a crise climática e melhorar a segurança alimentar, o suprimento de água e a biodiversidade.
 
Já que o mundo se apressa para planejar uma recuperação pós-pandemia, é correto afirmar que se trata de oportunidade única de chamar a atenção para a necessidade de reconstrução de um planeta melhor. Os riscos enfrentados por ignorarmos as ameaças de destruição ambiental devem ser entendidos e endereçados com proteções e políticas ambientais, por todas as instâncias. Por conglomerar diversas pessoas, as empresas acabam sendo um bom caminho para a conscientização dos impactos ao meio ambiente. E afirmo que, felizmente, muitas organizações já possuem planos ecológicos na política de boas ações. Nossa empresa é uma delas porque busca não apenas ter práticas saudáveis internamente, mas também produzir produtos robustos, duráveis e ecológicos.
 
O que todos já sabem, mas vale sempre reforçar
Dentre os principais problemas que afetam o meio ambiente, podemos destacar o descarte inadequado de lixo, a falta de coleta seletiva e de projetos de reciclagem, consumo exagerado de recursos naturais, desmatamento, inserção de espécies exóticas, uso de combustíveis fósseis, desperdício de água e esgotamento do solo. Esses pênaltis – e outros – poderiam ser evitados se os governantes e a população se conscientizassem da importância do uso correto e moderado dos recursos naturais. Apesar de sabermos que a mudança deve acontecer em escala mundial e que apenas uma pessoa não consegue mudar o mundo, é fundamental que cada um faça a sua parte e que toda a sociedade reivindique o cumprimento das leis ambientais.
 
Como parte desse todo, podemos destacar a cidadania e o consumo consciente como importantes ferramentas do processo. Quando temos isso como foco, a noção de direitos e deveres transcende meros interesses individuais para traduzir uma nova visão de mundo, que reflete a responsabilidade de cada pessoa na construção de valores coletivos plenos, plurais e democráticos que assegurem o bem-estar humano e o respeito a todas as formas de vidas em suas mais variadas manifestações.
 
Portanto, todos devemos assumir uma postura de responsabilidade ambiental, nos valendo de sentimentos e atitudes nobres como a cidadania e o consumo consciente, pois só assim conseguiremos mudar o quadro atual. E a hora é agora. É sempre agora...
 
 
* José Renato Demian Ferreira é Diretor Geral da JactoClean – empresa do Grupo Jacto, referência nacional em soluções para limpeza e higienização, que desenvolve produtos, sistemas e serviços inteligentes para uso residencial, comercial, profissional, industrial e no agronegócio.  
 
 
JactoClean
Telefone: (14) 3405.3032 -  SAC: 0800-131513
 
Informações para imprensa:
Via Pública Comunicação - www.viapublicacomunicacao.com.br
Sheila Diez: (11) 3473.0255 – 98540.7777 - sheila@viapublicacomunicacao.com.br
Regiane Damasceno: (11) 99527.6601 – 3562.5555 – regiane@viapublicacomunicacao.com.br