https://www.google.com/appserve/mkt/optin/AD-FnEw6aolQdEQFzj58DL0CRIvBVnLloDmToDBY4md6SHn3YqacVCZlkrbKFHqDmXkeAoP-nva2uUDxHwcbcwnNWAY5tQ-fX20uXTYUutPsyIQTW-5p-yLxuz4?hl=en-US google.com, pub-0664806714269334, DIRECT, f08c47fec0942fa0

Tradutor

Pesquisar

Ministério do Desenvolvimento Regional - recursos do Pró-Moradia

MDR passa a receber propostas para acesso a recursos do Pró-Moradia


Iniciativa apoia ações de habitação de interesse social em áreas predominantemente ocupadas por famílias de baixa renda nas cidades brasileiras
10 07 Pró Moradia
Brasília-DF, 9/7/2020 – Estados, o Distrito Federal e os municípios de todo o País poderão solicitar ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) recursos do Programa Pró-Moradia, iniciativa da Pasta que apoia ações de habitação de interesse social em áreas predominantemente ocupadas por famílias que recebem até 3 salários mínimos. Neste ano, serão aceitas apenas propostas na modalidade ‘Urbanização e Regularização de Assentamentos Precários’ (UAP).

Os recursos para financiamento são oriundos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e poderão ser captados para projetos entre R$ 1 milhão e R$ 50 milhões. Os entes federados deverão garantir contrapartida de, no mínimo, 5% do valor total de investimento.
A modalidade UAP prevê cinco tipos de intervenções: regularização fundiária; melhorias habitacionais; urbanização integral; urbanização parcial; e intervenção estruturante. Saiba quais as ações contempladas. O enquadramento das propostas em cada uma delas é de responsabilidade do proponente, conforme as necessidades locais.
O processo de seleção é contínuo, permitindo aos entes a apresentação de solicitações a qualquer momento. Para tanto, é necessário o preenchimento de carta-consulta no SELEHAB, sistema para cadastramento e seleção de propostas junto aos programas habitacionais sob gestão da Secretaria Nacional de Habitação (SNH), do Ministério do Desenvolvimento Regional.
Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail urbanizacao@mdr.gov.br, identificando no assunto da mensagem PRÓ-MORADIA, ou pelos telefones (61) 2108-1652 e 2108-1548.

COMPARTILHAR