Combate aos pernilongos é intensificado no Rio Pinheiros

 

Pernilongo Rio Pinheiros


Combate aos pernilongos é intensificado no Rio Pinheiros

Nesta sexta-feira, EMAE e Secretaria Municipal de Saúde realizaram ação de pulverização e termonebulização no local

Nesta sexta-feira (25), equipes da EMAE, em apoio às ações da Secretaria Municipal de Saúde, realizaram mais uma ação com larvicida biológico no Rio Pinheiros, no trecho que compreende a Usina São Paulo, antiga Usina de Traição, até a Estrutura de Retiro, na confluência com o Rio Tietê. A operação, que foi realizada com a embarcação da EMAE, consiste em jogar o larvicida na água, impedindo que a larva do pernilongo se desenvolva.

Na ocasião, também foi realizada a termonebulização nas duas margens do rio, processo de aplicação de composto químico que neutraliza a ação dos pernilongos que já eclodiram.

Segundo o presidente da EMAE, Marcio Rea, essas ações trazem muitos benefícios para os moradores da região, já que atacam o problema tanto nas águas do rio, quanto nas margens, onde há vegetação. "A parceria com a Secretaria de Saúde de São Paulo, que vem de longa data, deve se intensificar, já que, cada um na sua expertise, consegue diminuir efetivamente a infestação de pernilongos, que no calor aumenta consideravelmente".

Desde 2019, início do Programa Novo Rio Pinheiros, do Governo do Estado de São Paulo, a EMAE vem fazendo o desassoreamento (aprofundamento), a remoção de resíduos sólidos e de vegetação aquática, bem como a roçagem e limpeza dos taludes. Somente com desassoreamento, foram retirados 240.595 m³ de sedimentos. Sobre o lixo flutuante, já foram removidos mais de 12 mil toneladas de resíduos. Os contratos da Sabesp para coleta e tratamento de esgoto também estão em andamento e já atingiram 43,6 mil ligações das 533 mil necessárias: 8,2% do total realizado.