Google

Famílias do Estado de São Paulo poderão manter filhos em casa após retomada, segundo Rossieli



As famílias que desejarem poderão manter os filhos em casa, mesmo depois da retomada das aulas presenciais. A informação foi confirmada à Rádio Bandeirantes pelo secretário da Educação do Estado de São Paulo.
Segundo Rossieli Soares, a autorização em caráter excepcional terá validade enquanto durar a pandemia. Entrevistado no Jornal Gente, nesta segunda-feira, 31, ele advertiu que a alternativa vai depender da oferta de recursos de ensino à distância. 
Pelo plano de reabertura, as aulas presenciais poderão voltar em 7 de outubro, dependendo da evolução da pandemia. Já está definido que haverá rodízio entre os alunos e a capacidade das salas será limitada a 35%. 
O uso de máscara será obrigatório, como parte de um rigoroso protocolo de segurança sanitária. Também dependendo dos indicadores de saúde, a partir de 8 de setembro, atividades como reforço serão retomadas.

Assista a entrevista na íntegra:
Marília - Mídia - CMC