João Doria vai contratar 1000 psicólogos remoto para atender professores, alunos e funcionários da educação

T

João Doria vai contratar 1000 psicólogos remoto para atender professores, alunos e funcionários da educação 

FAQ com esclarecimentos sobre o tema já está disponível; Profissionais devem iniciar atendimento remoto em novembro

CMCO programa Psicólogos da Educação vai contratar pelo menos mil profissionais da área para atender 3,5 milhões de estudantes e 250 mil professores e servidores da rede estadual paulista. O atendimento remoto vai ser feito em mais de 5 mil escolas a partir de novembro.
Os psicólogos vão apoiar o desenvolvimento das ações do Programa de Melhoria da Convivência e Proteção Escolar (Conviva-SP) e orientar profissionais sobre possíveis sinais passíveis de identificação de traumas e abusos entre os alunos, além de conduzir testes e ferramentas psicológicas, conforme planejamento de cada escola.
Todas as mais de 5 mil unidades da rede estadual serão beneficiadas. Cada escola terá à disposição, no mínimo, 5 horas semanais de atendimento por um psicólogo. Quanto maior o número de alunos atendidos pela unidade, maior será a carga horária semanal disponibilizada pelos profissionais.
Os atendimentos vão começar em novembro e devem ocorrer por meio de conferência por áudio ou vídeo via internet. A prioridade é que os psicólogos atuem em atividades coletivas que contribuam para a melhora de todo o ambiente escolar. Também haverá a possibilidade de atendimento clínico de emergência para alunos ou servidores.
Conheça mais sobre o programa e tire as suas dúvidas aqui