Google

IOS inclui 1.400 jovens no mercado de trabalho

 



IOS inclui 1.400 jovens no mercado de trabalho em 2019 aumentando em até 47% a renda familiar dos alunos


Relatório Anual de Sustentabilidade 2019 - IOS



Alunos do IOS



Os dados constam no Relatório Anual GRI 2019 que o Instituto da Oportunidade Social (IOS) acaba de lançarHá seis anos, o IOS é uma das 10 organizações sociais do Brasil que utiliza as diretrizes da GRI como ferramenta de gestão.



IOS em 2019:

· 3.070 alunos atendidos;

· 180 empresas empregando alunos do IOS;

· 15% de aumento em relação ao número de alunos empregados em 2018;

· 47% de aumento nas rendas das famílias desses jovens

· 3.030 vagas oferecidas nos cursos de formação gratuita

· 35 bolsas de estudo para o "Programa Acesso ao Ensino Superior"

· IOS foi reconhecido como uma das 100 melhores ONGs pelo Instituto Doar e renovação do Selo Doar.



São Paulo, 26 de outubro de 2020 - O IOS - Instituto da Oportunidade Social - apresenta seu relatório anual 2019 , onde aponta que 3.070 alunos foram matriculados na instituição em 2019 e 1.401 alunos foram inseridos no mercado de trabalho, por meio do Programa de Empregabilidade do IOS. O IOS também promoveu o ingresso de 35 alunos no Ensino Superior, sendo que 21 deles já estão empregados, colaborando para um incremento de 47% na renda de suas famílias, segundo estudo do IOS.
Também em 2019, o IOS recebeu o selo de transparência da Phomenta como uma das "100 Melhores ONGs para Doar", que reconhece a organização como transparente e com práticas de gestão internacionais. O IOS também está entre as cinco melhores organizações, segundo o "Prêmio de Geração de Progresso", do Citigroup.

O IOS é hoje reconhecido pela sua importante atuação para a empregabilidade dos jovens, o público mais atingindo pelo desemprego, segundo os dados atuais do IBGE. Com o advento da pandemia do Covid-19, o número de desempregados no País, é de 13,3 milhões de pessoas. Destacamos aqui a taxa de desemprego da população de 18 a 24 anos que foi de 29,7%.

"É neste cenário que o IOS exerce seu impacto positivo, trabalhando continuamente para fomentar tanto a inclusão de jovens e pessoas com deficiência no mercado de trabalho quanto sua autoconfiança e autonomia para seguirem sua própria carreira", declara Kelly Lopes, superintendente do IOS.

O IOS oferece cursos de formação profissional focados na área de administração e Tecnologia da Informação (TI), em quatro estados brasileiros (SP, RJ, MG e SC). Para isso, conta com o apoio de mais de 180 empresas parceiras, que atuam como empregadoras dos alunos já formados e ex-alunos ou apoiando os projetos.

Os cursos são gratuitos e incluem conceitos administrativos com aulas práticas nos softwares, Educação Digital, Português e Matemática, Empregabilidade, Cidadania e Comportamento (Soft Skills). Além disso, também incluem na grade curricular conceitos e práticas sobre vivência corporativa, onde os alunos aprendem a elaborar e-mails, apresentações e participar de reuniões. Além dos cursos, o Instituto promove atividades para enriquecer a bagagem cultural e social dos alunos.

Destaques:

Em 2019, para aproveitar o aprendizado da melhor forma possível, a área de Conteúdo do IOS desenvolveu um curso específico que envolve metodologias ágeis, ferramentas Google e o projeto de vida profissional do aprendiz, que foca no autoconhecimento, em fomentar o protagonismo e empoderar os alunos. O novo conteúdo será aplicado a partir deste ano. Em paralelo, o IOS recebeu aprovação para a criação de um novo curso voltado para o segmento bancário.

Também em 2019, o IOS deu continuidade ao fortalecimento da culta de inclusão por meio do Programa de Diversidade, com o objetivo de acolher, inserir e reforçar a cultura da diversidade e inclusão na rotina do IOS. Entre as iniciativas para o tema em 2019, o destaque foi para a criação do "Café com diversidade", um encontro mensal, no qual educadores e os demais participantes tratam de assuntos relacionados ao tema, como viés inconsciente, empatia, engajamento, diversidade, inclusão de pessoas com deficiência, questões LGBTQI+, raça, entre outros.

No ano passado, o IOS foi apontado como uma das 100 Melhores ONGs para Doar, que, por meio do selo de transparência da Phomenta, reconhece a organização com atuação transparente e com práticas de gestão internacional. Além disso, também está entre as cinco Melhores Organizações pelo "Prêmio de Geração de Progresso", do Citigroup.

"A formação técnica profissional é o caminho mais eficiente para atender à demanda por novos talentos, principalmente para o mercado de TI. A partir de uma formação sólida, ágil e alinhada com as reais necessidades da área, o IOS ajuda a inserir esses jovens no mercado de trabalho por meio de parcerias e pessoas engajadas em transformar dificuldades em oportunidades impacto social", declara Kelly Lopes, superintendente do IOS.

Sobre o IOS

Comprometido com a empregabilidade de jovens e pessoas com deficiência que tenham menor acesso às oportunidades do mercado de trabalho, há mais de 22 anos o IOS desenvolve projetos de formação profissional gratuita em temas variados. "Administração" e "Tecnologia" compõem a grade de cursos, além do enfoque comportamental. Qualificado como Entidade Beneficente de Assistência Social certificada pelo CEBAS (Certificação de Entidades Beneficentes de Assistência Social), o IOS já formou mais de 38 mil profissionais para os setores de Tecnologia da Informação, Administração, RH e Atendimento ao Varejo. A instituição é mantida por empresas privadas como a TOTVS - sua fundadora e principal mantenedora - além da Brasilprev, Instituto Center Norte, Dell, Deloitte, Edenred - Ticket, Fundação Elias Gliksmanis, Hyundai, IBM, McDonald´s, Microsoft, Zendesk, entre outras. Mais informações: http://www.ios.org.br

Talento Incluir | Informações para Imprensa:
PitchCom Comunicação
Isadora Leone | (11) 98445-3985 - isadora.leone@pitchcom.com.br
Andrea Cipriano| (11) 99151-2328 - andrea.cipriano@pitchcom.com.br
Patricia Zanotti | (11) 99775-1809 - patricia.zanotti@pitchcom.com.br