Google

Saiba o que é o Ambiente Virtual de Aprendizagem e como ele pode ser utilizado



Saiba o que é o Ambiente Virtual de Aprendizagem e como ele pode ser utilizado

Nos últimos anos, é possível notar a evolução da tecnologia para tornar o ensino EAD mais praticável. Ao conseguir aproximar aluno e professor, o Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) é a tecnologia mais útil dentre todas. Afinal, um dos principais desafios numa plataforma EAD é manter o aluno focado na aula. Enquanto em sala o professor detém a atenção, no virtual ele pode perder o aluno para qualquer distração. Por isso, uma das vantagens do AVA é fazer com que o aluno e o professor cumpram com seus objetivos.

O que é?
O Ambiente Virtual de Aprendizagem é, basicamente, uma sala de aula virtual, ou melhor dizendo, uma "simulação". Se trata de um programa de gestão responsável por simular, que promove maior interatividade através de funções como vídeoaulas, planos de estudos, análise de dados educacionais e atividades de sistematização, reforço ou avaliação.

O uso do AVA é para disponibilização de conteúdo, gestão de alunos e atividades e outras funções inerentes. Dessa forma, permite todas as interações entre alunos e tutores, seja em cursos online, ensino híbrido ou presencial. Também sendo usada como plataforma para cursos EAD.

Qual o objetivo?
Uma das maiores dificuldades em ambiente virtual é a manutenção da atenção do aluno. Por não ser uma sala de aula tradicional, com o professor detendo toda a atenção, é mais normalizada a dispersão. Então, a ideia é de criar um ambiente semelhante a uma sala de aula, promovendo a troca de informações entre alunos e tutores, se mantém o engajamento e disciplina do aluno, o aproximando de seus tutores.

Quais as vantagens do AVA?
Observando as suas funções, é possível reconhecer três benefícios principais do ambiente virtual de aprendizagem.

Protagonismo no ambiente virtual do aluno: o professor/tutor define um cronograma para tarefas e avaliações, mas o aluno tem total autonomia para definir seu tempo e forma de estudar.

Fixação do conteúdo: com a disponibilização de videoaulas e exercícios de fixação, o aluno tem a oportunidade de treinar e fixar melhor a matéria. Além disso, pode sempre consultar o professor.

Análise dos dados educacionais: por meio do AVA, é possível gerar relatórios que fornecem um panorama geral e comparativo dos alunos. Uma das grandes vantagens do AVA é que isso permite a personalização do ensino.

O uso do AVA na prática é feito em três tipos de estudos, como o de educação a distância, educação online e pelo E-learning, em que a internet é utilizada como suporte ao treinamento de funcionários.

Após compreender alguns desses tipos de usos, o primeiro passo é a escolha da plataforma, que atende a um propósito específico. Uma empresa ou instituição de ensino pode buscar a maior interação entre alunos e professor ou só um meio para oferecer material didático.

Feita a escolha, a instituição ou empresa escolhe o curso a ser oferecido na plataforma e o disponibiliza. Assim, cabe a plataforma oferecer o acesso ao aluno e professor por meio de login e senha. Dentro da plataforma, o professor, tutor ou gestor, oferece as aulas, tira dúvidas, faz avaliações e interage com os alunos. Tudo isso acontece e é registrado no ambiente virtual do aluno e do professor.

"O Ambiente Virtual de Aprendizagem é um sistema de ensino que faz muito sentido em períodos como esse de pandemia em que passamos, pois necessita de organização das tarefas para que isso mantenha o aluno focado e dentro do cronograma de ensino", aponta Rafael Muller, criador da Innovio.