Google

Santillana e CIEC lançam livro "Cuidar da Casa Comum" e seminário que detalha o Pacto Educativo Global, proposto pelo Papa Francisco

 



Santillana e CIEC lançam livro "Cuidar da Casa Comum" e seminário que detalha o Pacto Educativo Global, proposto pelo Papa Francisco

Obra exalta proposta do Sumo Pontífice em desenvolver educação voltada ao humanismo, à sociedade e à relação integral com a natureza

Na próxima semana, a Santillana Brasil e a Confederação Interamericana de Educação Católica (CIEC) lançam o livro "Cuidar da Casa Comum - Nossa Contribuição ao Pacto Educativo Global". A obra traz os ensinamentos do Papa Francisco sobre a "espiritualidade ecológica", um conceito elaborado pela autoridade máxima da Igreja Católica e que defende a educação como ferramenta primordial na formação de cidadãos mais conscientes acerca de suas responsabilidades com o outro e com o planeta.

Por meio do Pacto Educativo Global - uma iniciativa lançada pelo Papa Francisco no dia 15 de outubro e abordada a fundo no livro "Cuidar da Casa Comum" - o ambiente escolar ganha um novo e elevado significado, aproveitando-se de sua função social e cultural para a criação de cidadãos plenamente aptos a desenvolver sua capacidade de afetividade e dedicação e, com isso, termos adultos mais solidários e emocionalmente preparados para encarar os complexos desafios da vida.

Conforme declarou o próprio Papa, "a educação será ineficaz e os seus esforços estéreis, se não se preocupar também por difundir um novo modelo relativo ao ser humano, à vida, à sociedade e à relação com a natureza".

O livro - organizado e apresentado pelo Secretário Geral da CIEC, Oscar A. Pérez Sayago, além de prólogo do Cardeal Óscar Rodríguez Maradiaga (Arquidiocese de Tegucigalpa, Honduras) - desenvolve como este novo modelo de ensinar pode ser promovido nas escolas e outras estruturas educacionais, principalmente nas instituições confessionais católicas espalhadas em todo o mundo.

"Sem dúvida, o valor do ecológico é o fio de ouro que liga todas as peças dessa compilação nutritiva, entendendo que o corpo docente do Papa quer pedagogicamente que o senso de respeito à natureza se torne um valor que faz parte da conduta do homem e ser o critério ‘humano’ que lhe permite sintonizar seu entorno ambiental, promovendo ações positivas que estimulem o uso ético dos recursos naturais para um equilíbrio ecológico e social", escreve o cardeal Maradiaga no prefácio.

A obra também ressalta como a sociedade civil, autoridades e atores do mercado de educação podem proporcionar aos estudantes e seus familiares um ambiente de acolhimento mais cordial, colaborando para a formação de cidadãos mais fraternos, praticantes de uma vida em comunidade e defensores do que o Pacto Educativo Global define como consciência crítica - ou seja, indivíduos livres e responsáveis, capazes de se questionarem, decidirem o que é certo ou errado e continuar no caminho, não sendo meras réplicas de seus próprios sucessos ou erros.

Para celebrar o lançamento global da primeira edição de "Cuidar da Casa Comum", a Santillana e a CIEC promoverão entre 27 e 29 de outubro o seminário digital "Vozes da Educação Católica", um evento que visa abordar os principais pontos do Pacto Educativo Global, com vistas a reforçar o compromisso da Santillana com o tema, junto a suas escolas parceiras.

O Seminário internacional, gratuito e online, reunirá especialistas em Educação e Teologia. Entre os convidados, estão o próprio Oscar A. Pérez Sayago - responsável pelo painel magno de abertura -, o Doutor em Filosofia da Educação, Gabriel Perissé; e a Diretora do Colégio Santo Agostinho de Contagem e Doutora em Educação, Aleluia Heringer. Mais informações podem ser conferidas no site, com inscrições abertas http://sites.google.com/view/seminariovozdaeducacao/home .

Sobre a Santillana

A Santillana é uma holding de negócios de educação presente em 23 países. Iniciou suas atividades no Brasil em 2001, ao adquirir as editoras Moderna e Salamandra.

Com forte presença nas Américas e na Europa, a Santillana tem o compromisso global de entender a identidade, a missão e o momento de cada instituição educacional, a fim de fomentar um mundo integrado de vivências e descobertas em constante movimento. Na área social, atua por meio da Fundação Santillana, instituição voltada ao fomento da educação e difusão da cultura no país, que realiza diversas ações em parceria com organismos nacionais e internacionais, como Unesco, CIEC, OCDE, OEI, Movimento Todos Pela Educação, entre outros.

A Santillana opera no Brasil nos segmentos de soluções didáticas e de literatura infantil e juvenil, com a Moderna e a Editora Salamandra, com materiais para ensino de idiomas, com a Richmond e Santillana Español, além de avaliação educacional, com a Avalia Educacional, projetos educativos como UNO Educação e Moderna Compartilha, o Sistema Farias Brito de Ensino, a plataforma Kepler, o programa de educação bilíngue Educate by Richmond e o programa socioemocional Crescemos.


Sobre a CIEC

A Confederação Interamericana de Educação Católica (CIEC) - criada no Primeiro Congresso de Educação Católica (1945) - é uma instituição de direito civil sem fins lucrativos a serviço da Educación Católica de América e integrada às Federações educacionais dos 23 países membros (que, por sua vez, são divididos em cinco regiões administrativas: Norte, Caribe, Centro-América, Andes e Sul).

A CIEC mantém relações permanentes com órgãos educacionais internacionais e educativo-pastorais: Sagrada Congregação para a Educação Católica, CELAM, DEC-CELAM, CLAR, UNESCO, OEA, UNICEF, entre outras.

A OIEC - Oficinal Internacional de Educação Católica -, com sede em Bruxelas, designou a CIEC como sua Secretaria Regional para América, fazendo do Secretário Geral da CIEC membro permanente do Conselho da OIEC.

Como organização eclesiástica, a CIEC se situa dentro das associações de fiéis contempladas pelo Título V do Direito Canônico (cc. 298 a 311), além de também ser coberta pelos cc. 304, 309 e 319. Com isso, possui autonomia organizacional, funcional e administrativa, exercendo sua tarefa em união e comunhão com a igreja e assumindo-se como um autêntico ministério evangelizador, com as implicações que isso lhe confere.

Informações para Imprensa

Santillana Brasil - Danthi Comunicações

Ana Paula Fonseca - anapaula@danthi.com.br - 11 3812-7393

Letícia Andrade - leticia@danthi.com.br - 11 3812-7393

Lúcia Martins - lucia@danthi.com.br - 21 3114-0779