PESQUISA

Páginas

Apeoesp lança movimento contra o fechamento de escolas no período noturno

 


Apeoesp lança movimento contra o fechamento de escolas no período noturno

Para presidenta da entidade, essa atitude do governo exclui aluno trabalhador

A Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) lança, na próxima segunda (30), o movimento Emancipa, que visa mobilizar professores, alunos, pais, funcionários e a própria sociedade contra o fechamento de escolas da rede pública estadual no período noturno.

A decisão foi anunciada pela presidenta da Apeoesp, a deputa estadual Professora Bebel (PT), após encontro nesta manhã de sexta-feira (27) com professores na subsede da entidade em Piracicaba, quando ouviu inúmeros relatos de que, com a ampliação do número de escolas no Programa de Ensino Integral (PEI), muitos estabelecimentos deixarão de ter aulas no período noturno ou não receberão matrículas para o primeiro ano do ensino médio noturno.

Para a deputada Professora Bebel, isso demonstra que o PEI é excludente. "O aluno que trabalha precisará ser transferido para uma outra escola. Queremos a garantia do ensino noturno, tanto para os alunos do ensino médio como do EJA (Educação de Jovens e Adultos), assim como a garantia da manutenção da matrícula para o primeiro ano do ensino médio e o seu funcionamento independentemente do número de matriculados, porque, se essas matrículas deixarem de ser feitas, em 2023 não teremos ensino médio no período noturno em todo o Estado, o que na prática é a reorganização velada nas escolas", ressalta.

A Apeoesp também está questionando o processo de adesão das escolas ao PEI, já que é necessária aprovação dos conselhos escolares e da comunidade escolar. "O governo nega reajuste para os professores, alegando problemas financeiros, mas os que fazem a adesão ao PEI têm um acréscimo salarial de 75%. Por isso, já ingressamos com ação na Justiça pleiteando isonomia salarial", conta Bebel.

Professora Bebel anuncia lançamento do movimento Emancipa, pela manutenção das aulas no período noturno