Campinas entra na fase vermelha e XII Festival Hercule Florence adia programação presencial



Campinas entra na fase vermelha e XII Festival Hercule Florence adia programação presencial

Março, 2021 - O Festival Hercule Florence, sediado em Campinas e que realiza sua 12ª edição em 2021, adiou a programação presencial em virtude do novo decreto que reclassifica a cidade de Campinas na Fase Vermelha no Plano SP de combate ao novo coronavírus a partir desta quarta-feira (3), conforme anúncio feito pelo prefeito Dário Saadi.

Com a medida, exposições e atividades informais presenciais ficam interrompidas até o próximo dia 16 de março, quando o município deve ter nova reclassificação. Todavia, as atividades on-line, como a Mostra histórica de fotofilmes que acontece neste sábado à partir das 18h no Youtube do Festival, as Clínicas e dinâmicas de grupo e o Círculo de Leituras de Portfolio seguem a programação normalmente.

"Essa decisão nos mantém alinhado as medidas tomadas pela Prefeitura de Campinas para o enfrentamento da pandemia", reforça o criador do Festival, Ricardo Lima. Todas as atividades podem ser conferidas no site: www.festivalherculeflorence.com.br

Sobre o Festival

Criado em 2007, o Festival Hercule Florence tem como matriz a invenção isolada da fotografia no Brasil, feita em Campinas, em 1833, por Hercule Florence, considerado o pai da fotografia. Esse fato desencadeou na cidade atitudes fotográficas no percurso dos séculos. Dessa cultura fotográfica, nasceram os grupos de fotografia e o festival, a partir da criação da Semana Hercule Florence. Mais de 120 mil pessoas e 80 fotógrafos brasileiros e estrangeiros já participaram do evento ao longo dos anos.

Este ano, o XII Festival Hercule Florence é um dos projetos fomentados com recursos da Lei Aldir Blanc - EDITAL PROAC EXPRESSO LAB Nº 40/2020 por meio da SECRETARIA DE CULTURA E ECONOMIA CRIATIVA DE SÃO PAULO.



Atendimento à imprensa

Rafaela Dias | rafaela.dias@wgocomunicacao.com.br | (19) 98199-0352

Comentários