Simulado de Língua Portuguesa - Canção do Exílio

 1) Leia o texto seguinte para responder às duas próximas questões. 

Canção do exílio: (Gonçalves Dias). 


Minha terra tem palmeiras, 

Onde canta o sabiá; 

As aves que aqui gorjeiam, 

Não gorjeiam como lá. 


Nosso céu tem mais estrelas, 

Nossas várzeas têm mais flores, 

Nossos bosques têm mais vida, 

Nossa vida mais amores.


 Em cismar, sozinho, à noite,

 Mais prazer encontro eu lá;

 Minha terra tem palmeiras, 

Onde canta o sabiá. 


Minha terra tem primores, 

Que tais não encontro eu cá; 

Em cismar, sozinho, à noite,

Mais prazer encontro eu lá. 


Minha terra tem palmeiras, 

Onde canta o sabiá; 

Não permita Deus que eu morra, 

Sem que volte para lá. 


Sem que desfrute os primores 

Que não encontro por cá; 

Sem qu’inda aviste as palmeiras, 

Onde canta o sabiá.


01. Quanto à interpretação do poema “Canção do exílio,” assinale a alternativa incorreta:

 a) “Nosso céu tem mais estrelas, / Nossas várzeas têm mais flores,” esses versos mostram o desencantamento do eu lírico com sua pátria. 

b) A visão de pátria apresentada no poema é positiva e idealizada. 

c) As palavras “lá” e “cá” representam o lugar deixado para trás e o lugar em que o eu poético se encontra no momento em que sente saudades.

 d) Os versos “As aves, que aqui gorjeiam, / Não gorjeiam como lá,” indicam sentimento de desilusão do poeta. 


02. Alguns versos do poema de Gonçalves Dias podem ser relacionados a trechos do “Hino Nacional Brasileiro,” escrito 63 anos depois, em 1909. Identifique esses versos:


 a) “Brasil, um sonho intenso, um raio vívido/De amor e de esperança à terra desce”. 

b) “Nossos bosques têm mais vida,/ Nossa vida no teu seio mais amores”. 

c) “Gigante pela própria natureza/ És belo, és forte, impávido colosso”. 

d) “Brasil, de amor eterno seja símbolo/ O lábaro que ostentas estrelado”.  



03. Assinale a alternativa onde temos sequencialmente ditongo, hiato e tritongo:

 a) Sarau, friíssimo, tênue. 

b) Riu, creem, quatro. 

c) Sofreu, doer, enxaguei. 

d) Quantia, cruel, bainha. 


04. Entre os pronomes pessoais, incluem-se os pronomes de tratamento, também chamados formas de tratamento, que se usam no trato com as pessoas. Dependendo da pessoa a quem nos dirigimos, do seu cargo, título, idade, dignidade, o tratamento será familiar ou cerimonioso.

 Então, assinale a alternativa onde haja pronome de tratamento:

 a) Não há nada para eu ler. 

b) Ele não é eu, eu não sou ele. 

c) Entre mim e os professores da escola a relação era muito amistosa. 

d) Sua Santidade está cansado. 


05. Assinale a alternativa onde a grafia do porquê está incorreta: 

 a) Você fez isso, por que? 

b) Essa é a razão por que o demiti. 

c) Venha porque fazemos questão de sua presença. 

d) Ninguém sabe o porquê de ela ter feito isso.



Gabarito


1-A           2-B     3-C     4-D         5-A

Comentários