ORAÇÕES COORDENADAS SINDÉTICAS E ASSINDÉTICAS.

 






1 - Reescreva as frases abaixo substituindo a conjunção destacada por duas outras conjunções de forma que mantenha o sentido da frase.

a) Lutou bastante, mas não venceu.
b) Ele dormiu tarde, logo não acordará cedo.
c) Não chore, que seu pai virá buscá-lo.
d) Não sabia montar, nem gostava de cavalos.
e) Espere um pouco, porque não há lugar.
f) Façam silêncio, poio neném está dormindo.
g) Não estudei, portanto não devo passar.


a) Lutou bastante, mas não venceu.  (PORÉM, TODAVIA, ENTRETANTO)
b) Ele dormiu tarde, logo não acordará cedo. (POR ISSO,  PORTANTO)
c) Não chore, que seu pai virá buscá-lo. (PORQUE, POIS)
d) Não sabia montar, nem gostava de cavalos. (TAMPOUCO, E NÃO, COMO TAMBÉM NÃO)
e) Espere um pouco, porque não há lugar. (POIS, QUE)
f) Façam silêncio, pois o neném está dormindo. (PORQUE, QUE)
g) Não estudei, portanto não devo passar. (POR ISSO, LOGO)





2 - Crie frases com as conjunções abaixo.

a) porém – 
b) portanto – 
c) apesar de – 
d) todavia - 






ORAÇÕES COORDENADAS SINDÉTICAS




CONJUNÇÕES 


Comentários