Pesquisar

17 de dez. de 2021

Huawei é líder global em soluções de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC)

 




Huawei, CEAR/UFPB e Grupo Rio Alto firmam acordo para implantação de laboratório de eficiência energética de geração solar
Memorando de entendimento foi assinado durante o Renewable Innovation Day, evento que celebrou os 10 anos do CEAR/UFPBP

Renewable Innovation Day. Imagem de divugação.

São Paulo, 16 de dezembro de 2021 - Promover pesquisa e desenvolvimento valendo-se do enorme potencial de irradiação solar da Paraíba: esse é o objetivo do acordo firmado entre a Huawei, o Centro de Energias Alternativas e Renováveis da Universidade Federal da Paraíba (CEAR/UFPB), e o Grupo Rio Alto em 10 de dezembro de 2021. A assinatura do memorando de entendimentos aconteceu durante o Renewable Innovation Day, evento que também celebrou os 10 anos de atividades do CEAR/UFPB. A partir de então, será instalado um Laboratório que permita realizar estudos de maximização de geração de energia solar. Para isso, uma a usina de energia solar começará a ser construída na UFPB como fruto da união entre iniciativa pública e privada.

A Paraíba possui um dos maiores índices de irradiação solar no Brasil, contando atualmente com oito parques em operação que totalizam uma potência instalada de 138,20 MW. O segmento é considerado um modelo limpo de energia, por conta da pouca produção de poluentes.

Mason Qing, Vice-presidente da Huawei Digital Power. Imagem de divulgação.

Durante a solenidade, Mason Qing, Vice-presidente da Huawei Digital Power, lembrou a história de sucesso que a companhia tem no país há 23 anos e reforçou que, hoje, a energia solar tem um papel de destaque na Huawei, sendo um dos pilares da empresa no Brasil e no mundo. Já Ma Jie, Vice-presidente de Recursos Humanos da Huawei no Brasil, abordou iniciativas de capacitação de novos talentos, como os programas Open Class, Seeds for The Future, ICT Academy e ICT Competition.

Ma Jie, Vice-presidente de Recursos Humanos da Huawei no Brasil. Imagem de divulgação.

Nesse mesmo sentido, Euler Macêdo, Diretor do CEAR/UFPB, reconheceu o quanto as iniciativas educacionais têm sido transformadoras, com mais de 240 alunos formados pelos cursos da Huawei. "Nosso compromisso era obter 40 certificações internacionais. Ao final do projeto ICT Academy, alcançamos 86. Ter conseguido dobrar a meta nos deixou muito satisfeitos. Além disso, nosso aluno Lucas Gudes foi um dos finalistas do programa internacional Seeds for the Future", explica o professor.

Entre as presenças ilustres do Renewable Innovation Day também estiveram: Valdiney Gouveia, reitor da UFPB; a professora Camila Gehrke (UFPB); André Pepitone, Diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica; Carlos Eduardo Pereira, Diretor Operacional da Empresa Brasileira de Inovação Industrial - EMBRAPII.

Confira na íntegra a transmissão do evento no canal da Huawei no Youtube.

Assinatura do memorando de entendimentos. Imagem de divulgação.


Sobre a Huawei
A Huawei é líder global em soluções de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e uma das 100 marcas mais valiosas do mundo de acordo com a Forbes. A companhia tem a visão de enriquecer a vida das pessoas por meio da comunicação e é dedicada à inovação centrada no cliente. Com sólidas parcerias com a indústria local, a Huawei está comprometida com a criação de valor para operadoras de telecomunicações, empresas e consumidores, oferecendo produtos e soluções de alta qualidade e inovação em mais de 170 países e territórios. Com mais de 197 mil funcionários em todo o mundo, a empresa atende mais de um terço da população mundial. Há 23 anos no Brasil, a Huawei é líder no mercado nacional de banda larga fixa e móvel por meio das parcerias estabelecidas com as principais operadoras de telecomunicações e possui escritórios nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba e Recife, além de um centro de distribuição em Sorocaba (SP) e um Centro de Treinamento em São Paulo.

Para mais informações, visite a Huawei online ou siga-nos:


Huawei | JeffreyGroup

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CMC, CIDADE DE MARÍLIA