PESQUISA

Páginas

Gênero: uma introdução anarcotrans

  Dia da Visibilidade Trans e Travesti conta com programação para quem quer aprender mais

De aulas sobre gênero à performance artística, os conteúdos, que estão disponíveis na Sympla, trazem visibilidade à causa trans
 

São Paulo, janeiro de 2022 - No próximo sábado, 29, é comemorado o Dia Nacional da Visibilidade das Pessoas Travestis e Trans. Para quem quer aprender ou se aprofundar na temática, a Sympla - maior marketplace de eventos, cursos e atrações culturais do país, separou uma seleção de conteúdos criados por pessoas trans, travestis e LGBTQIA+, que buscam estimular a conversa sobre as questões de gênero.

Confira abaixo a programação disponível:

Trava Bruta - Temporada Online

Trava Bruta é um manifesto que parte da experiência transexual da autora Leonarda Glück para propor uma ponte e um embate entre o contexto artístico e a conjuntura política e social brasileira atuais no que se refere ao campo da sexualidade. O texto é também uma espécie de vertiginoso poema cuja principal metáfora reúne o ato de bloquear e impedir a livre movimentação com a capacidade de brutalidade da natureza humana, sua violência e sua incivilidade. Como é experimentar um corpo que provoca um misto de repulsa e desejo a um só tempo? O que tem a cultura a ver com a transexualidade? Como é ser uma artista trans no Brasil de 2021? Resposta não há, mas ainda há a poesia. E, mesmo que alquebrado, ainda há o teatro.

Serviço 

Data: 28 a 3 de Janeiro, sexta a domingo, às 20h, sábado

Preço: Gratuito

Classificação: 18 anos

Ingressos aqui.

 

Dia Nacional da Visibilidade TRANS: diálogos sobre visibilidade, vivências e profissionais Psi

O evento "Dia Nacional da Visibilidade TRANS: diálogos sobre visibilidade, vivências e profissionais Psi" é uma realização do Centro Acadêmico de Psicologia da Universidade Federal de Roraima (CAPSI-UFRR) que busca apresentar perspectivas a respeito da Visibilidade Trans, da vivência de Pessoas Trans no Atendimento Psi e à Cisgeneridade como Norma.

Serviço 

Evento online

Data: 29 de Janeiro, sábado, às 15h

Preço: Gratuito

Classificação: Livre

Ingressos aqui.


 

Gênero: uma introdução anarcotrans


Nesta aula será explorada a contraditória relação de pessoas trans com o Estado Capitalista a partir de uma investigação do papel do Estado na produção e regulação das experiências de gênero, servindo das críticas feministas, queer, anarquistas e do pensamento travesti brasileiro como orientação para as discussões. Para isso, tomam como referências as perspectivas de teóricas feministas como Joan Scott, Monique Wittig, Silvia Frederici, Christen A. Smith, Virginie Despentes, Gayle Rubin, e María Lugones; e de teóriques queer como Teresa de Lauretis, Judith Butler e Paul Preciado; bem como dos pensamentos de mulheres trans e travestis como Maria Leo Araruna, Emi Koyama, Viviane Vergueiro, Jota Mombaça e Letícia Nascimento, cujas contribuições exploram as posicionalidades de pessoas trans e desobedientes de gênero nos [c]istemas nos quais estão inserides.

Serviço 

Evento online

Data: 29 de Janeiro, sábado, às 16h

Preço: de R$ 25,00 a R$ 45,00

Classificação: Livre

Ingressos aqui.


 

Resolvendo Problemas de Gênero

Essa atividade tem carga-horária de 2h e pretende discutir o capítulo do livro "Problema de Gênero" da filósofa e feminista Judith Butler.

Haverá certificação contabilizando 2h/a para os inscritos e as inscrições são gratuitas. À frente deste curso estará a escritora e transfeminista Helena Vieira.

Serviço 

Evento online

Data: 29 de Janeiro, sábado, às 16h

Preço: Gratuito

Classificação: Livre

Ingressos aqui.

 

Literatura Desgenerada: reflexões sobre escritas de autoria e temática trans, com Amara Moira
 

Dividido em três encontros com os temas Escritas Fingidas, Escritas Militantes e Autobiografias, o curso se propõe a lançar luz sobre novas compreensões da literatura brasileira do final do século XIX até finais do XX. Uma das hipóteses lançadas pelo curso é a da centralidade que a dissidência sexual e de gênero assumiu nesse pouco mais de um século de produções, nas quais se destacam tanto obras conhecidíssimas e incontornáveis do nosso cânone, quanto outras desprezadas e relegadas completamente à margem.

O título dos dois primeiros encontros dialoga com um debate iniciado por Walmir Ayala e Gasparino Damata nos paratextos de Poemas do amor maldito (1969), antologia que, junto com Histórias do amor maldito (1967), é um dos primeiros esforços de mapeamento de produções literárias LGBTQIA+ brasileiras.

O terceiro encontro trata da emergência de um outro gênero de escrita, a autobiografia, seara em que se produziram algumas das obras mais importantes da autoria trans.

Serviço 

Evento online

Data: 02, 03 e 04 de fevereiro, quarta à sexta, às 19h30

Preço: de RS 150,00 a R$ 250,00

Classificação: Livre

Ingressos aqui.

Cisgeneridade: fundamentos transfeministas

No aulão "Cisgeneridade: fundamentos transfeministas" ês alunes terão acesso ao modo crítico com que autoras transfeministas brasileiras têm abordado em suas discussões a categoria Cisgeneridade. Dentro da crítica feminista brasileira, cisgeneridade é uma importante categoria de análise que se propõe a desnaturalizar as relações de gênero e sexualidade, apontando que nenhuma corporalidade e identidade de gênero é natural, denunciando que alguns corpes a partir da falha noção de naturalidade possuem trânsitos e privilégios sociais que são inviabilizados para pessoas transgêneras. No aulão serão apresentadas as bases empíricas e epistemológicas da categoria.

Serviço 

Evento online

Data: 19 de fevereiro, sábado, às 11h

Preço: de RS 20,00 a R$ 65,00

Classificação: Livre

Ingressos aqui.


 

Sobre a Sympla

A Sympla, maior marketplace de eventos e conteúdos digitais do Brasil, tem como um dos objetivos transformar a venda e compra de ingressos em uma experiência simples, eficiente e humana. Em 2020, lançou o Sympla Streaming e o Sympla Play, plataformas para conteúdos digitais, ao vivo ou sob demanda, com foco em experiências de qualidade e dos mais diversos temas. Já em 2021, lançou o Sympla Live, plataforma para transmissão de conteúdos online, com mais dinamismo e a facilidade de ter tudo na mesma plataforma.

Com tecnologia em seu DNA, a empresa já vendeu mais de 90 milhões de ingressos, e busca atender produtores e público com soluções dinâmicas e confiáveis, em todos os segmentos em que atua. Fundada em 2012, e com mais de 125 mil produtores, a empresa possibilita o acesso a uma ampla variedade de eventos, cursos, palestras e workshops, tanto presenciais, como online e também no formato on-demand.

Informações para a imprensa | JeffreyGroup

Carina Baladi | (11) 95919-8467

Gabriella Zanini | (11) 99175-8628

sympla@jeffreygroup.com