PESQUISA

Páginas

Prefeitura de Mauá atende pedido da UGT e das centrais sindicais e cria cartão social para desempregados

 

O município de Mauá, que é administrada pelo prefeito Marcelo Oliveira (PT), será a primeira região a adotar o vale tarifa social, voltado para os trabalhadores e trabalhadoras desempregados.


Desta maneira, Marcelo Oliveira atende uma solicitação da União Geral dos Trabalhadores (UGT) em ação unitária com as demais centrais sindicais.

A iniciativa atenderá 2500 famílias que, além de terem isenção no transporte público, o que é de suma importância principalmente para as pessoas que estão à procura de emprego, poderão também realizar cursos de qualificação profissional para aumentar as chances de recolocação no mercado de trabalho.

Ricardo Patah, presidente nacional da UGT anunciou a decisão do prefeito de Mauá durante encontro das centrais sindicais, nesta quarta-feira (30) em São Paulo. “Vivemos um momento muito delicado, com uma crise política, econômica e social sem precedentes. Apesar dos índices de emprego terem apresentado leve melhora, as pessoas que conseguiram voltar ao mercado de trabalho estão ganhando menos, perderam poder de compra. Sem contar que ainda é muito alto o número de desempregados, por isso, a decisão da prefeitura de Mauá é tão importante”.

Patah reforçou que índice de esse desemprego, somado a bagunça que virou as relações de trabalho no Brasil é consequência da reforma trabalhista de 2017. “Venderam para a população que a reforma iria gerar emprego e renda, mas ela desregulamentou as relações de trabalho e arrochou os salários, por isso é fundamental que outras regiões seguiam a iniciativa do prefeito Marcelo Oliveira”, disse Patah.

informações:
Assessoria de Comunicação