Sandoz e Turma da Mônica fazem parceria inédita e lançam revista temática sobre Distúrbios do Crescimento

 

 

Iniciativa tem como objetivo alertar sobre o diagnóstico, causas associadas e tratamento para a condição que acomete dezenas de crianças no País

 

São Paulo, 01 setembro de 2022 – A Sandoz do Brasil, líder global em medicamentos genéricos e biossimilares, e a Turma da Mônica acabam de lançar uma revista especial sobre Distúrbios do Crescimento. A iniciativa tem o objetivo de auxiliar familiares e responsáveis na identificação de sinais relativos ao déficit de crescimento infantil. Em formato lúdico, Mônica protagoniza receios, questionamentos e dúvidas sobre o seu próprio crescimento, que são explicados no decorrer dos quadrinhos. O material está disponível no hub de conteúdo, “Além da Altura”, da farmacêutica, e, ainda este mês, exemplares serão distribuídos gratuitamente no Parque da Mônica, em São Paulo, e em estações da Turma da Mônica alocadas em outras capitais do Brasil.

 

O crescimento linear das crianças, ou seja, estatura, aumento de massa muscular e redução de gordura corporal depende principalmente de fatores genéticos, mas também do GH, sigla em inglês para hormônio do crescimento. Quando há falta desse elemento e a criança passa a apresentar peso e estatura abaixo do esperado para sua idade, temos um quadro de Distúrbio do Crescimento.

 

“Mais do que uma questão de altura, o Distúrbio do Crescimento é uma questão de saúde que deve ser observada com atenção. A criança que não atinge o tamanho esperado para a idade também tem dificuldades em desenvolver alguns órgãos. E, como nem sempre é algo fácil de ser diagnosticado, resolvemos unir forças com a Mauricio de Sousa Produções para alertar pais e responsáveis, compartilhando conhecimento sobre os melhores caminhos na jornada do paciente, para encurtar o tempo do tratamento e avaliar com cautela a saúde da criança”, afirma o diretor Médico da Sandoz do Brasil, Cleber Sato.

 

Possíveis causas

As causas para os quadros de Distúrbios do Crescimento são variadas e a estatura final da criança depende primordialmente de sua carga genética, mas também sofre interferência de fatores como alimentação, saúde, higiene, local de moradia e outros cuidados gerais. Segundo um estudo da OMS (Organização Mundial de Saúde), nos países da África, Ásia e América Latina 43% das crianças menores de 5 anos possuem déficit de altura devido à subnutrição.

 

Outros fatores também podem levar à alteração dos níveis de GH, como doenças inflamatórias ou infecciosas, problemas ósseos, traumas, entre outros. Ao notar que a criança não está crescendo dentro dos parâmetros adequados, o ideal é que pais ou responsáveis a levem a um médico pediatra ou endo pediatra (endocrinologista voltado ao público infantil) para a realização de exames clínicos e de identificação do possível déficit hormonal. Caso seja confirmado o diagnóstico, os profissionais de saúde buscarão a causa do distúrbio, ou seja, o motivo associado, para seguir com o melhor tratamento.

 

“Mais do que contar histórias, nós da Mauricio de Sousa Produções nos preocupamos com o desenvolvimento humano, com o futuro e saúde das crianças. Ficamos muito contentes em termos sido procurados pela Sandoz para ter a turma do Limoeiro como protagonista dessa história, que contribui para a conscientização e cuidado na infância. É algo que realmente vem ao encontro de nossa missão e valores como empresa”, comenta Rodrigo Paiva, Diretor de Licenciamento da Mauricio de Sousa Produções.

 

A revistinha especial da Turma da Mônica, ‘Quem é a Baixinha?’ pode ser lida no site: www.alemdaaltura.com.br. Também será possível encontrar a versão impressa em consultórios médicos.

 

Sobre a Sandoz   

A Sandoz, uma divisão da Novartis, é líder global em medicamentos genéricos e biossimilares. Nosso objetivo é o pioneirismo no acesso aos pacientes, desenvolvendo e comercializando abordagens novas e acessíveis que enderecem necessidades médicas não atendidas. Nossa ambição é ser a empresa líder e mais valiosa de genéricos do mundo. Nosso amplo portfólio de medicamentos de alta qualidade, cobrindo todas as principais áreas terapêuticas, representaram as vendas, em 2020, de US $ 9,6 bilhões.  

 

Assessoria de Imprensa Sandoz do Brasil 

Comentários