Pesquisar

6 de out. de 2022

Meio tom

 Nem esse jazz a meia luz em uma noite fria

nem esse verão de alegria voluptuosa,

nem essa contrição de santo pecador.

Meio tom... 

Nem mesmo meio tom,

mais que essa melancolia romântica,

mais que essa religiosidade puritana,

mais que esses bons hábitos,

mais que esse acometimento,

mais que esse moralismo,

mais que esse comportamento ético.


Meio tom...

a vida me pede meio tom...

Muito mais que essa conduta irreprovável...

Quero sair das cinzas a concretude da alma,

dos abismos aos céus,

dessa torpeça ao estado de vigia constante. 


Meio tom, até então

foi sempre meio tom.


José Nunes Pereira 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

CMC, CIDADE DE MARÍLIA